Liveurs – Underground Reality Show


Poesia – Mil Vezes
13/12/2013, 01:59
Filed under: Uncategorized | Tags:

Encha-me de alegria até que o meu coração transborde
então me abraça o mais forte que os seus braços podem
destrói toda minha vontade de ser apenas um com você
bebe do meu sangue e deixa que o resto fazemos acontecer

Faça-me sonhar mesmo sabendo que ainda estou acordado
acreditar que nem a morte pode me tirar do seu lado
Que é possível se apaixonar mil vezes pelo mesmo alguém
que a nossa cumplicidade é a melhor coisa que se tem.

Convida minha alma para dançar a valsa mais profunda
depois morde meus lábios e me deixa com frio na barriga
somos meros mortais querendo uma cura pra eternidade viver
quem sabe depois dessa noite escura veremos o sol nascer

Seu amor me ressuscitou, ligou de novo minha humanidade
me ensinou a me importar e querer algo que seja de verdade
doce quantos estamos juntos, mas se torna amargo com a saudade
por isso quando sair de perto de mim não volta tão tarde.

O que sentimos um pelo outro nem sempre descobrimos como dizer
nós sabemos que não somos perfeitos, mas que juntos podemos ser
A tempestade passa bagunça tudo ainda assim eu encontro você
não importa quantas vezes isso aconteça eu ainda vou te querer

Taffeta Ruffle Katherine Vintage Prom Gowns On Vampire Diaries

“O Senhor Deus de vossos pais vos aumente, ainda mil vezes mais do que sois; e vos abençoe, como vos tem falado.”
Deuteronômio 1:11

Anúncios


Poesia – Tenho Tentado
09/12/2013, 04:01
Filed under: Uncategorized | Tags:

Eu tenho tentado permanecer em sua vida
participar do seu mundo e dos seus sentimentos
tenho tentado lhe ensinar sobre a verdade
que somente o amor deixa sereno os pensamentos

Tenho tentado acender o brilho do seu olhar
a sorrir com a alma e sobreviver aos tormentos
Tenho tentado mostrar que é melhor amar que odiar
deixar o passado passar e ser mais que um momento

Tenho tentado despertar a esperança em seu coração
converter em algo bom toda a tristeza e depressão
Tenho tentado demonstrar que o amor é o ar da alma
que vale a pena respirar fundo e agir com calma

Tenho tentado explicar que vida não dá garantias
que a morte chegue agora ou daqui centenas de dias
Tenho tentado ensinar sobre a verdadeira liberdade
aquela que não depende de nada mais para acontecer

Tenho tentado dividir o Espírito de um guerreiro
que ensina a ser maior que qualquer desespero
Tenho tentado dizer que unidos podemos vencer
quando com amor decidimos nossa vida viver

friends,happy,photography,bubbles,girl,vintage,girls-1c99a4f122f265426cd780b2bfa40cc3_h

“Ninguém, quando for tentado, diga: É Deus quem me tenta. Deus é inacessível ao mal e não tenta a ninguém.” Tiago 1:13



Texto – Eternidade
07/12/2013, 02:56
Filed under: Uncategorized | Tags:

Mesmo as pessoas mais fortes têm suas fraquezas, um ponto mortal em seus sentimentos, algo que provoca tanta dor e descontrole que é sentido no mais profundo da alma. Quando esse gatilho é disparado, percebemos a necessidade de orar e de se humilhar. Ainda que sejamos adultos, choramos como criança pensando nas coisas que não temos, nos abraços que perdemos, na distância que nos separa, no amor que não nos é dado ou no sentimento de menor abandonado. Podemos fingir que nada está acontecendo, que não está machucando, mas quem pode fazer o sorriso aparecer e os olhos voltarem a brilhar? A dor nos faz pensar, nos faz crescer e também perceber que a vida nem sempre é da forma que queremos e ainda assim temos que levantar e viver. Por pensar que  tudo é descartável, preferimos esquecer á perdoar, odiar á amar, destruir á ajudar a construir. Não queremos cativar as pessoas para termos uma eternidade mas sim vivermos atrás de pequenos e descartáveis momentos. A solidão é fruto do nosso desprezo, da nossa desconfiança, descrença e falta de esperança. Não tem mais espaço para a bondade num mundo onde cada gesto quase sempre tem uma segunda ou terceira intenção, cada estender a mão tem um ar de interesse, porque aquele que está contaminado vê nos outros aquilo que ele mesmo pratica. Poderia me rasgar em mil pedaços, ainda assim, irreconhecível, continuaria sendo eu. Não importa em quantas partes te fizeram, encontre a oportunidade de poder agradecer. Precisamos aprender que uns olham a noite e veem apenas a escuridão, outros conseguem se encantar com as estrelas, a luz não precisa de muito para aparecer, pois quanto maior a noite, mais elas brilham. Ainda que aqueles que dizem que te amam não te valorizem, que ninguém possa te dar a atenção que precisa, é preciso entender que a vida ainda não começou, estamos apenas sendo gerados e só podemos evoluir amando e pensando mais nos outros e menos em nós mesmos. Perdemos tempo demais pensando em como os outros deveriam ser e acabamos esquecendo de nós mesmos. Sempre temos que nos redescobrir e reinventar, se não, certamente iremos acabar perdendo a graça. E nada mais sem graça que alguém que não sabe amar ou perdoar. Devemos ser intensos em tudo que fazemos, o medo não impede que nada aconteça ele tira apenas a intensidade dos melhores momentos. Se for preciso morrer para ser feliz, então morreremos felizes.

girlvintagesadlonelypensiveheartfieldtreealonegirly

“Ele fez tudo apropriado ao seu tempo. Também pôs no coração do homem o anseio pela eternidade; mesmo assim ele não consegue compreender inteiramente o que Deus fez. ” Eclesiastes 3:11



Poesia – Imutável
05/12/2013, 03:13
Filed under: Uncategorized | Tags:

A febre trás calor ao imutável
as últimas páginas de um romance
a bebida forte amarga os lábios
sensação que não será como antes
O sol parece que nasceu desbotado
Deus se esqueceu de colorir esse dia
as palavras tortas soltas ao vento
quebrou o feitiço e acabou a magia
E o que resta é noite e solidão
uma alma ferida com medo de amar
o respeito caminha sobre uma linha
qualquer coisa faz a arma disparar
Nem sei em quantos abismos pulei
sensação de liberdade, poder voar
mas no fundo sempre existe dor
e os anjos se negam a ajudar
O mundo não suporta o diferente
persegue até a morte o incomum
é mais fácil desprezar o próximo
que abraçar e dizer: Sempre te amarei

large

As palavras ainda uma vez indicam o desaparecimento do que é caduco, do que foi criado, para que só subsista o que é imutável.” Hebreus – 12:27