Liveurs – Underground Reality Show


Cartas – Nego
29/07/2011, 16:39
Filed under: Sem categoria | Tags:

Guardo no silencio tudo aquilo que não tenho coragem de admitir ou dizer, escondo na vontade todos os meus desejos mais íntimos, tudo para negar que de você em mim nada mais ficou e que há muito tempo o nosso amor acabou. Faz meses que não nos falamos ou nos vemos, mas o meu coração pensa em você o dia inteiro, às vezes entro na internet apenas para espiar as suas fotografias e nesse instante me pego esquecendo de te esquecer.

Tento confundir todo mundo dizendo que nunca mais vai haver algo entre nos dois, que tudo que tivemos foi apenas uma relação de sofrimento, uma guerra entre ódio, ciúme e amor, mas o que faço quando a saudade chora dentro do peito e começa a relembrar apenas as coisas boas que vivemos. Passo sempre na frente da sua casa na esperança que possa te ver mesmo de longe e você nem conseguiria imaginar o quanto ainda do que tivemos permanece aceso dentro de mim, mesmo diante de tantos erros.

Quem ama perdoa, quem ama carrega uma cega esperança, quem ama tem perseverança, lamento apenas por ter sentido tudo isso por uma pessoa que não sabe entender o meu valor e quantas noites ainda vou esperar que o vento traga o que o tempo me levou. Às vezes choro, mas sei que você não pode ver, quando percebo me desespero que a sua vida já começou a reviver e a cada passo que dá me sinto mais abandonado na beira do caminho, antes era o meu refugio, meu porto seguro, mas agora sou como uma embarcação que naufragou e no fundo do mar e vive sozinho.

Tento acreditar que ainda continuo sendo alguém especial, ressuscitar o ego e crer na beleza que os outros dizem que tenho, mas sempre é muito complicado ver algo além da razão quando por motivos bobos somos deixados. Já te toquei com as mãos, pensei que fosse meu por alguns momentos, escrevo frases com as ilusões dos meus sonhos e a poesia com a tristeza dos meus sentimentos.

Você é o lamento que até mesmo a noite já cansou de escutar, o nome que para ninguém posso contar, simplesmente porque todos já estão fartos de escutar falar sobre Você e mais de ver sempre o mesmo erro cometer. Queria aprender a colocar um ponto final, a dizer não quando você me procura porque está mal, tudo porque a sua nova paixão anda te maltratando e como meu braço não iria te estender.

Mas a cada dia peço a Deus que me mostre a direção e que tire essa obsessão da minha cabeça, quero viver novas coisas antes que sua imagem me enlouqueça.

“Mas ele negou-o: Mulher, não a conheço. “
Lucas 22:57

Anúncios


Poesia – Drogas
27/07/2011, 01:38
Filed under: poesia 6 | Tags:

Sou tranquilizante como dose de morfina
cocaína que adormece o sentido da vida
a fuga da prisão dos problemas passados
overdose de prazer tragada pelos lábios
Sou liquido inflamável que aumenta o fogo
alucinógeno que quando provado deixa doido
um anjo que caiu do ceu pra morar na Terra
tempestade de pensar que confunde sua cabeça
Sou veneno que deve ser consumido aos poucos
deformação da realidade que pode deixar louco
o reflexo triste quando sente a dor da solidão
alquimia perversa que tira o amor da sua mão
Sou a ressaca sentida pelo excesso de bebida
coveiro da felicidade provisória de sua vida
fruto da arvore que não poder ser consumida
imperfeição que na maquiagem mantém escondida
Sou o espelho que separa as linhas do mundo
a erva pra quem tem medo de viver seus sonhos
o refugio daqueles que se escondem na mentira
o império que no final vai acabar em ruínas

“Mas Jesus, voltando-se para ele, disse-lhe: Afasta-te, Satanás! Tu és para mim um escândalo; teus pensamentos não são de Deus, mas dos homens!
Mateus 16:23



Texto – Servir
22/07/2011, 04:37
Filed under: Sem categoria | Tags:

Viemos ao mundo para servir e não para ser servido, para recompensar com amor todo ódio que temos sentido. Para semear novas flores nos jardins que destruímos através da nossa insensibilidade e reparar todos os erros com gestos, atitudes e verdades. Viemos ao mundo para trazer esperanças aos corações abatidos, para ajudar a quem não merece e para nunca sermos reconhecidos.

Viemos trazer surpresas a quem acredita que conhece tudo da vida e mostrar que o agora é apenas uma passagem para desaguar no mar das possibilidades esquecidas.

Somos arvores que não comeremos de nossos próprios frutos, anjos encarnados em pessoas que não valem nada pro mundo, a gloria de Deus que não pode ser compreendida pela razão humana e sabedoria eterna que está além de livros de historia.

É preciso viver acreditando para se lançar rumo aos sonhos mais loucos, tudo para entender que o que nos achamos demais para Deus é pouco.  Em verdade eu digo que em cada dia se esconde a sua própria preocupação, a luta para os olhos de Deus não se desviar e para não deixar a alma cair no suicídio da contradição.

Escrevemos para as estrelas enquanto todos dormem, enviando visões, sonhos e pesadelos a quem acredita que a conhecidencia é coisa de acaso ou sorte. Somos a morte que tomou vida, o invisível que agora está repleto de matéria, o exemplo que daqui nada se leva.  Uma nação que se esconde no sombrio do medo, a falta de coragem de revelar seus íntimos segredos, com receio de quem a loucura que reprimida finalmente tenha que ser revelada e como explicar que esse mundo não é sua casa.

Quem é você? De que planeta veio? Qual o propósito disso tudo?

Somos mais que ecos do passado, do conhecimento de geração em geração sendo passado. Somos prodígios, os autores do futuro, os soldados que marcham à frente e que menos sendo poucos fazemos grandes barulhos. Somos Deuses que vagam sobre a Terra, em busca daqueles que se perderam na escuridão da floresta de pedra.

No limite da luz o mal nos rodeia, pelas veredas e confins aonde acaba o céu o inferno começa. Desperta agora tu que dormes, saia do lugar de conforto que Jesus te espera, siga ao norte e atravesse o deserto, esqueça as miragens, pois a verdade é a única coisa que interessa.

Subtraiu suas vestes, joga fora a inveja que está enrustida em sua carne, livra sua boca de toda mentira, a fofoca de seus lábios, o ódio do seu coração e do olhar a maldade. Purifica nas águas tranqüilas do espírito, deixando apenas na sua conta a paz e a bondade.

“Porque o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em redenção por muitos.”
Marcos 10:45



Cartas – Luzes
19/07/2011, 19:17
Filed under: Sem categoria | Tags:

Conheço o gosto dos seus lábios, o aroma eterno que envolve o seu corpo e os seus caminhos dourados que seguem por uma estrada rumo ao paraíso, como uma ilha deserta feita de paixão com uma paisagem que se contasse iriam dizer que estou mentindo.Formoso são seus calcanhares, pilares feitos de ouro em tamanha simetria, assim como cada parte ou detalhe do seu corpo é puro feitiço e magia, mas isso são apenas fatos entre tantos mistérios que envolvem a sua vida.

Doce é o som da sua voz e musica cada palavra tua ao meu ouvido, tem o poder de tornar eterno cada momento, mesmo que seja por uma simples canção que juntos estamos ouvindo.Incendeia-me de desejo, consome cada parte de mim como um combustível necessário para o seu prazer, me degusta na sua língua, me aprisiona em seus abraços, me torna refém que não fujo mesmo sem os muros, pois não existe felicidade a não ser do seu lado.

Depois o vento vem espalhar minhas cinzas, para que alimente as ervas dos loucos que pelos campos estão famintas, carentes de palavras de amor e de poesia e de tanta coisa que como antigamente se fazia. Que a minha alma possa alimentar a esperança, de todos que buscam algo sem encontrar, apenas pra satisfazer os caprichos humanos, de sonhar algo e pela visão querer achar. Eu sei da força invisível que me sustenta, me ergue aos céus e me esconde entre suas penas, conheço o refugio e o poder de quem luta por mim.

Por isso vem depressa segura em minha mão, corre o mais rápido que puder, feche as portas do passado, esqueça as dores do parto e os sonhos perdidos, porque pra vencer não precisamos de nada disso. É semeando o que não encontramos que colhemos aquilo que queremos, eu sei detalhar você de todas as formas, mas me diga o que você sabe sobre mim?

Todos nos conhecemos as palavras, mas poucos têm coragem de contar seus sentimentos, por isso serei sempre o exemplo mesmo que sozinho, num mundo que está repleto de medo e carente de carinho.

Por isso brinco de ciranda segurando as mãos de Deus, enquanto espero que todos percebam que ele não morreu e como luzes despertem todos seus filhos e filhas aprendendo que a vida tem mais sentido quando é vivida com amor e alegria.

“Outrora éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor: comportai-vos como verdadeiras luzes.”
Efésios 5:8



Poesia – Lamentos
18/07/2011, 17:28
Filed under: poesia3 | Tags:

Preciso tanto do seu abraço

do conforto das suas palavras

o medo me arrebatou pro escuro

eu não consigo voltar pra casa

Como as estrelas estão distantes

não consigo toca-las com as mãos

e minha alma se encontra  carente

fragilizada pelas dores do mundo

Quem poderá restituir minha paz ?

me arrancar desse abismo profundo

Clamo mas ninguém escuta minha voz

tantas suplicas e todos parecem surdos

Quem roubou todas minhas forças ?

me deixou com a cara e o ego no chão.

Sem piedade vejo minhas feridas aberta

meu agressor não tem nenhuma compaixão

enquanto não encontrar minha morte

isso parece que não terá um fim.

Estou perecendo e nem um anjo parece me encontrar

arrancaram todas as penas das minhas asas
eu não consigo mais voar.

Quem poderá me resgatar desse
poço de lamentos ?

trazer esperança para
falta de amor

Quem poderá trazer um sorriso em meu rosto ?

afastar da minha alma toda dor

Por isso Senhor não se esqueça de mim.

“A minha alma está desgostosa da vida, dou livre curso ao meu lamento; falarei na amargura de meu coração. ”
Jó 10:1 



Texto – Boas Pessoas
13/07/2011, 17:54
Filed under: texto2 | Tags:

Perdi a coragem de insistir para que as pessoas me descubram como sou, antes gastaria todas as palavras para conquistar meus direitos e mostrar tudo que existe dentro do meu coração, porém agora não tenho mais forças para fazer isso, porque as pessoas costumam desconfiar de tudo aquilo que elas não conseguem ser.

Prefiro ser considerado uma mentira que é contada através de atitudes absurdas, do que uma verdade maquiada pela invenção elaborada de uma mente fértil usando falsas palavras para tentar ocultar quem realmente é.

Não sei explicar onde estão às outras pessoas que acreditam no amor, talvez escondidas em prisões espalhadas pelo mundo, aguardando que alguém mostre que tudo pode ser diferente e que as grades imaginarias do medo enfim sejam rompidas.

Sei apenas que muitos deixam tudo para se viver amanha, todo sentimento que não se pode explicar, todas as coisas certas que deveriam fazer e todos os sonhos que Deus sonhou. Único problema disso é que amanha pode ser tarde demais, ou talvez nem exista mais, as oportunidades que perdemos outras pessoas aproveitam.

No meio deles qualquer chama será apagada, qualquer esperança será aniquilada, qualquer felicidade que não seja pelo álcool não será aceita ou qualquer fim de semana que não acabar bêbado em uma balada não irá valer de nada. Tudo para colocar varias fotos em suas redes sociais, para se afirmar no vazio da sua solidão.

Como se apaixonar por alguém e querer dizer que essa pessoa é única e especial, sendo que sou apenas mais um que ela beijou na noite. Um numero na agenda entre tantas historias mal contadas, um consolo pro desespero da carência, o alivio para quando tenta se aventurar pelo mundo e se machuca nas armadilhas de sua crença, nessas horas sim uma pessoa como eu te serve.

Pra falar dos outros qualquer mesa de bar suporta, mas para mostrar nossas fraquezas, nossas feridas e medos dai sim quero ver aonde vai encontrar a companhia que precisa. Quantas vezes não dei todo meu carinho pra fazer esquecer as dores da vida, as frustrações das coisas que não saíram como você queria, alertei sobre os perigos do fracasso e me importei com seus traumas de família e tudo isso pra que?

Não posso cobrar de você que me de o valor que deveria, muito menos que me veja como gostaria e tenho que aceitar que vai me perder me magoando e descobrir tarde demais que fez tudo errado. Posso te perdoar, porque quem ama perdoa, mas não prometo que não irei ficar triste, nem que vou conseguir dormir ou comer direito. Então qual é a recompensa do justo na vida? Qual é valor das pessoas boas?

Já tentei, mas não sei ser ruim, por mais que eu queira. Não vou entregar meus sonhos, como faz com o seu corpo para pessoas que não te merecem, mas a carne é apenas um artigo e somente os gestos podem tornar tudo especial, e quando começar olhar nos detalhes vai ver que nada mais é igual, mudou o olhar, o tamanho do corpo, a força do carinho, mudou o cuidado, acabou a poesia e tudo ficou mais humano, porém mais frio e sem vida. Mecânico.

Por isso o tempo para mim é algo desprezível prefiro a intensidade do que a quantidade. pois um segundo para quem sabe o que fazer vale mais que muitas vidas de quem não sabe.

“Um mesmo destino para todos: há uma sorte idêntica para o justo e para o ímpio, para aquele que é bom como para aquele que é impuro, para o que oferece sacrifícios como para o que deles se abstém. O homem bom é tratado como o pecador e o perjuro como o que respeita seu juramento. “
Eclesiastes 9:2 



Cartas – Dez Razões
13/07/2011, 00:24
Filed under: Sem categoria | Tags:

Te amo de tal forma que tudo que olho se torna poesia, sou incapaz de ver qualquer defeito em você pois me sinto perfeito na sua companhia. Poderia te admirar por toda uma vida e mesmo assim não iria me cansar de te ver, pois descubro um novo sentimento em cada vez que posso estar com você. Meu coração bate acelerado, minhas pernas tremem, de repente perco o controle de mim, feito louco minha alma me empurra e o meu corpo deseja seu corpo.

Não existe vida longe dos seus braços, a carência me mata aos poucos, preciso de você, pois é meu soro, pensar em nós dois só aumenta a vontade de arrancar um pedaço seu, para que eu possa te sentir além do meu coração. Não que precise de algo para lembrar de você, pois jamais iria te esquecer. Apenas por saber da sua existência já me sinto mais tranqüilo, pois é a luz que me guia pelos caminhos sombrios. Você deu sentido ao que chamava de vida, trouxe a vontade de ter filhos e de constituir uma família.

Quando tudo era descrença você foi minha esperança, no deserto da solidão me ensinou há superar meus dias e nas tempestades dos desejos foi o meu castelo e me abrigou com alegria. Pra ser sincero eu não acreditava que alguém como você pudesse existir, foi uma surpresa boa, por isso mesmo quando eu não merecer não me deixa partir.

Quero viver as coisas simples da vida contigo, andar de mãos dadas, sentar numa praça e simplesmente fazer serenatas pra expressar o amor que por ti que estou sentindo. Como é bom não ter medo dos fantasmas do passado e perceber que tudo vivi se tornou insignificante na sua presença, como se as dores do passado deixassem de existir apenas com o seu sorriso. Poderia dar dez razões pelas quais eu te amo, mas por mais que fale sobre suas qualidades, nada se compara a intensidade dos meus sentimentos.

Tem o poder de uma deusa, pois corre atrás dos seus sonhos, o perfume de uma flor que por onde passa deixa todo mundo encantado, harmonia na beleza, simetria nas curvas, tem a doçura no tocar e um falar cheio de ternura. Não acredite em ninguém que diga algo diferente do que eu digo, pois é verdade cada palavra, eu juro. Espero que o meu amor seja o suficiente para conquistar você, gostaria de expressar muito mais de tudo que estou sentindo, mas teria que inventar novos versos, colocar um novo tamanho no infinito.

Por isso quero que minhas atitudes sejam uma expressão do meu amor, pois onde você estiver eu também estou.

“Jó não falou conforme a razão, falta-lhe bom senso às palavras. “
Jó 34:35