Liveurs – Underground Reality Show


Poesia – Exceção
15/12/2010, 02:54
Filed under: poesia 6

Encontrei o silêncio no coração
sufoquei os desejos da minha alma
tantos medos agora estão libertos
e você me pede para ir com calma
Mas não controlo meus sentimentos
e minha vontade se resume a você
Crio diversas barreiras pro mundo
porém todas elas caem ao ti ver
Nas minhas regras tu es exceção
apenas num olhar pode compreender
mas não sei lidar com esse amor
pois é muito maior do que meu ser
Por isso perdoa a minha timidez
na sua presença perco as palavras
quero apenas admirar o seu rosto
sentir o cheiro e ouvir sua fala
Eu me sinto adolescente outra vez
como se fosse meu primeiro amor
pois você me faz sentir tão bem
faz esquecer o passado e toda dor

“Eu sou para o meu amado o objeto de seus desejos. “
Cânticos 7:10


1 Comentário so far
Deixe um comentário

hummm, BOM DIA!!!!
+ uma vez adorei rsr.

Comentário por handrea




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: