Liveurs – Underground Reality Show


Poesia – Ex-Familia
22/05/2010, 01:17
Filed under: poesia 6
Guardo em mim o que nunca saberá
algo que ninguém poderia substituir
Você era o meu raio de sol vivido
Nos dias cinzas o que me fazia sorrir
E realmente eu nunca tinha percebido
o quanto eu te amava e queria seu bem
Como puderam levar você pra longe
e agora como poderei me defender?
Eu queria tanto que fosse meu herói
porem você nunca esteve presente
Recordo as vezes que pegava no colo
como queria que durasse para sempre
Eu era criança e não podia compreender
que sua partida afetaria meu futuro
Ate porque juntos tínhamos de tudo
porque trocou sua familia pelo mundo
Não é fácil mais tenho que entender
porque na mesa seu lugar esta vazio
E pra nossa casa você não volta mais
sem saber eu precisava do seu carinho
Agora você pode fazer o que quiser
ate promessas que nunca vai cumprir
Eu queria ficar todos os dias com voce
mas somente no sabado você pode vir

 
"Pode uma mulher esquecer-se daquele que amamenta? Não ter ternura pelo fruto de suas entranhas?
E mesmo que ela o esquecesse, eu não te esqueceria nunca."
Isaias 49-15
Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: