Liveurs – Underground Reality Show


Composição – Inside
31/07/2007, 08:17
Filed under: Sem categoria | Tags:
 
Inside
 
Você pode correr
Pra tentar fugir
Mas dentro de você
Ainda vou existir
Mesmo quando beber
Ou um baseado fumar
Ainda mais perto eu vou estar
 
Você pode me evitar
Pra tentar me esquecer
Mas quando outro arrumar
A diferença vai perceber
Sempre fui tão sincero com você
Mesmo antes de você desaparecer
Hoje quando eu te vejo eu posso ter
Um belo sorriso ao te ver
 
(Refrão)
Então Chora, Você não soube me ter
Você não sou me Amar, agora vai sofrer
Então Chora, o que eu posso fazer
Se agora é tarde para se arrepender
 
Você me trás boas lembranças
Algo que só você faz em mim
Só queria que soubesse
que você quem quis assim
Porque me deixou para trás
Vive com medo de mim
Sempre fui tão sincero com você
Mesmo antes de você desaparecer
Hoje quando eu te vejo eu posso ter
Um belo sorriso ao te ver
 
(refrão)
Então Chora, Você não soube me ter
Você não sou me Amar, agora vai sofrer
Então Chora, o que eu posso fazer
Se agora é tarde para se arrepender
 
 
 
Letra: Gabriel
Adaptação: Gabriel, Marcel Nádia
 
Agradeço de coração por terem me ajudado com essa composição….


Texto – Segredo da Felicidade
29/07/2007, 20:19
Filed under: texto2

Segmento foi extraido livro Paulo Coelho – O Alquimista

"Certo mercador mandou o filho aprender o segredo da felicidade com um pastor de uma terra bem distante.  O rapaz andou durante quarenta dias pelo deserto até chegar a uma bela igreja, no alto de uma montanha.  Lá, vivia o pastor que o rapaz procurava.

O rapaz entrou numa sala da igreja e viu uma atividade imensa: mercadores entravam e saíam, pessoas conversavam pelos cantos, uma pequena orquestra tocava músicas suaves e havia uma farta mesa com os mais deliciosos pratos da região.  O pastor conversava com todos e o rapaz teve que esperar duas horas até chegar a sua hora de ser atendido.  O pastor ouviu atentamente o motivo da visita do rapaz, mas disse-lhe que naquele momento não tinha tempo de explicar-lhe o segredo da felicidade.  Sugeriu que o rapaz desse um passeio pela  igreja e voltasse daqui a duas horas.

– entretanto, quero lhe pedir um favor – disse o pastor, entregando ao rapaz uma colher de chá onde pingou duas gotas de óleo. – enquanto você estiver caminhando, carregue esta colher sem deixar que o óleo seja derramado – recomendou o pastor.

O rapaz começou a subir e descer as escadarias da igreja, mantendo sempre os olhos fixos na colher.  Ao final de duas horas retornou à presença do pastor.

– então? – perguntou o pastor. – você viu as tapeçarias da pérsia que estão na minha sala de jantar?  Viu o jardim que o mestre dos jardineiros demorou dez anos para criar?  Reparou nos belos pergaminhos da minha biblioteca?

O rapaz, envergonhado, confessou que não havia   visto nada disso.  Sua única preocupação tinha sido em não derramar as gotas de óleo que o pastor lhe havia confiado.  

           Já mais tranqüilo, o rapaz  pegou a colher e voltou a passear pela igreja, desta vez  reparando em todas as obras de arte que pendiam do teto à parede.  Viu os jardins, as montanhas ao redor, a delicadeza das flores, o requinte com que cada obra de arte estava colocada em seu lugar.  De volta  à presença do pastor, relatou em detalhes tudo o que havia visto.

– mas onde estão as duas gotas de óleo que lhe confiei? – perguntou o pastor.

Olhando para a colher, o  rapaz percebeu que as havia derramado.

– pois este é o  único conselho que eu tenho para lhe dar – disse o pastor. – o segredo da felicidade está em olhar todas as maravilhas do mundo, e nunca se esquecer das duas gotas de óleo na colher!"

Vamos Refletir

Nesse simples exemplo está o segredo da felicidade. Geralmente vivemos prestando atenção em apenas uma coisa em nossas vidas e deixamos que maravilhas e oportunidades passem ser percebermos, no fim parece que nada acontece ou da certo com a gente.

Quantas vezes porque uma coisa não deu certo para você, viveu aquele dia todo sentindo ódio e frustação sem perceber que a vida passava sem se ver ? 

Sempre que se sentir infeliz, você pode ter a certeza que só está prestando atenção em apenas uma das coisas. Sabe, isso acontece comigo e quando percebo mais um dia que se foi. Porém venho apreendendo que as vezes aquilo não deu certo mas tem outras coisas que estão dando certo, assim começo a aproveitar oportunidades que vinha perdendo. E assim aquele dia triste passa a ser mais suportável.

 Quantas vezes eu pensei em morrer por não estar suportando aquela noite fria, em um dia qualquer e sem a companhia de ninguém. Olhava a minha volta estava tudo que havia conquistado, tudo que havia apreendido e lutado para chegar até esse dia fatídico que estava vivendo. Como se uma luz acendesse na escuridão de meus pensamentos, comecei a percerber o valor das coisas que estavam a me cercar quantas relíquias estavam a minha volta. Relíquias essas que eu me dediquei para conseguir, aquilo só estava me dizendo, Gabriel você é capaz, pare de sentir dó de si mesmo, olhe a vida nos olhos e viva. Dai entendi que estava desvalorizando tudo que me dediquei por uma confusão interna, daquilo que as vezes queremos ter e não temos, ou de coisas que dependemos que outras pessoas façam pela gente. E nem sempre podemos garantir que saia da maneira que esperamos.

Agora pensando melhor um pouco você sabe o que determina se um dia vai ser bom ou ruim ?

Se eu falasse que você é que faz isso poderia acreditar em mim ? Pense comigo, você pode acordar e pensar bom hoje vai ser um bom dia, e fazer o impossível para que ele seja, ou simplesmente pode acordar sentindo dó de si mesmo e deixar que a vida aconteça deixando o que sobrar para você viver.

Então o que vai ser ?
As vezes parece que o destino determina essas respostas, mas na verdade somos nos mesmos que determinamos. Quantas vezes conseguiu alcançar algo que estava fora das suas mãos simplesmente por acreditar e se dedicar que seria possível. E lá estava você com os dedos entrelaçando em algo que a maioria das pessoas diria ser impossível.  Você pode ser como uma pessoa qualquer que precisa ver para crer e viver limitado aos horizontes que seus olhos podem observar, ou ser um visionário, que crê para ver, assim o mundo passa a ser o infinito e mesmo no escuro como uma coruja você apreender a enxergar. Veja como simples respostas fazem toda a diferença. Será que faz tanto mal acreditar em si mesmo, deixando que as coisas boas aconteçam. É da natureza humana apreender errando não tenha medo de viver porque já errou um dia. Não fique limitado, certas coisas levam mais tempo do que gostaríamos para acontecer, mas isso não quer dizer que elas não vão acontecer. Não desista, ninguém melhor que você para levantar a cabeça e sair superando seus obstáculos. Pare por um instante e feche seus olhos e escute seu coração, sinta essa energia em suas veias , essa força pode servir para fazer tanto o bem quanto o mal. Você pode gastar seu tempo plantando jardins, ou destruindo eles. O que muda é que na primavera você já sabe a paisagem que vai ter !!!

Seja o que for seja você mesmo, nunca é tarde para começar a se gostar e se aceitar. Nunca é tarde para voltar a sonhar e saiba que sonhos são possiveis. Não derrame o oleo da colher e não esqueça de apreciar a igreja. Sucesso…



Poesia – Inside
26/07/2007, 20:11
Filed under: poesia5
Você pode correr
Pra tentar fugir
Mas dentro de você
Ainda vou existir
Mesmo quando beber
Ou um baseado fumar
Quando o efeito passar
Ainda mais perto vou estar
Você pode me evitar
Pra tentar me esquecer
Mas quando outro arrumar
A diferença logo vai perceber
Sempre fui tão sincero
Mesmo antes de desaparecer
Hoje quando te vejo
Um belo sorriso posso ter
Você me trás boas lembranças
Algo que só você sabe fazer
Se não gosta mais de mim
Basta me dizer
O que não podemos mudar
Só nos resta entender. 


Poesia – Desrespeito
25/07/2007, 07:47
Filed under: poesia4
 
Se ainda estou aqui
é para te dizer
Que eu descobri
que não amo você
Tudo que senti
Desapareceu
Me arrependo do tempo
que perdi com você
Mas agora eu quero
ver o que vai ser
Quando nunca mais
alguém amar você
Não terá respeito
Nem se quer carinho
Mas não vai se lamentar
quando se arrepender
Em prantos estiver
Tentando viver
Causado por seu
Desrespeito
 


Composição – Rogue2
24/07/2007, 05:33
Filed under: Sem categoria | Tags:

 

Rogue 2

 

As saudades que sinto
Não consigo descrever
Quando vejo a sua foto
Não consigo entender
Você nem sabe que existo
Como insisto em te querer
Se quando ouvir meu nome
Nem se quer vai perceber
Que alguem morre aos poucos
Dormindo ao amanhacer
Pensando em planos mirabulosos
Pra tentar te conhecer
Seus olhos são negros
Duas galaxias consigo ver
Na sua pele pálida
Vejo meu amor florescer
Só queria que soubesse
Que você me faz esquecer
De toda está tristeza
Que deus me deu pra crescer
 


Composição – Infernal
24/07/2007, 04:59
Filed under: Sem categoria | Tags:
Infernal
 
O nosso amor é underground
e é o que você deixou para mim
Desculpe se não pude ser
o que esperou de mim
Naquela noite eu te liguei
mas foi porque não suportei
Eu vou achar meu destino
sem duvida
 
O nosso amor é infernal
é o paraiso que roubou de mim
eu ja sei como eu vou sair daqui
 
Se por acaso voce sentir
uma saudade de me ver
Por favor nao venha
me aborrecer
O que eu tinha voce nao quis
amor mais lindo de se ter
Por isso agora o melhor
é me esquecer
 
O nosso amor é infernal
é o paraiso que roubou de mim
eu ja sei como eu vou sair daqui
 
Se eu soubesse que era assim
pra ser feliz voce longe de mim
eu ja tinha a mais tempo
decretado o nosso fim 


Cover – Reacao em Cadeia – Quase Amor
20/07/2007, 08:42
Filed under: cover
 
Ela disse eu não sei o que sinto por você
Não quero mais saber o que você tem a dizer
Agora me deixe em paz, não tente me entender
Pois pra mim, tanto faz, o que ainda pode acontecer?
 
Mil coisas acontecem ao seu redor
Você não as percebe pois não pode distingüí-las
Talvez não faça diferença, e o que resta pra você
São somente as coisas que você pode suportar
O que podemos suportar?
 
Não vá pensar que eu chorei por você
Não vá pensar que eu sofri por você
Não vá pensar que um dia amei você
 
Não vá acreditar, não
Em tudo o que falam por aí
Pois a mentira um dia,
Ela pode lhe ferir
Queria consertar tudo o que aconteceu
Mas na verdade sei que este erro não foi meu
Destilei meu sangue em algo forte
Pra que eu pudesse me sentir melhor
Mas do contrário, eu me senti pior
E usei deste artifício pra ocultar a dor
Por ter perdido um quase amor
Por ter perdido um quase amor